Prefeitos têm até 5 de abril de 2024 para conceder reajuste salarial aos Servidores. COBRE O GESTOR!

Prefeitos têm até 5 de abril de 2024 para conceder reajuste salarial aos Servidores. COBRE O GESTOR!

Ouça a matéria!

 

Sempre quando entra o ano eleitoral, muitos gestores, maliciosamente, afirmam não poder conceder reajuste salarial aos Servidores “em consequência do pleito eleitoral do município”. Isso procede? Na verdade, não! Segundo a legislação eleitoral, os gestores podem conceder aumento de benefícios aos trabalhadores até 180 dias antes da eleição, ou seja, 5 de abril de 2024. Portanto, as Administrações devem receber as entidades sindicais, negociar e conceder, pelo menos, a reposição inflacionária para o funcionalismo municipal.

Diante disso, a direção da Fesspmesp orienta todos os companheiros, lideranças das instituições, a anteciparem as negociações das Campanhas Salariais 2024, quando vamos eleger prefeitos, vices e vereadores. Inicie o processo, convoque assembleia e defina junto à categoria as reivindicações econômicas e sociais, documente tudo, envie ofícios às Administrações cobrando o início imediato das negociações. NÃO DEIXE PARA CIMA DA HORA.

PRESIDENTE AIRES RIBEIRO 📢

“Construir uma boa Campanha Salarial envolve planejamento, estratégia e comunicação eficaz para negociar melhores condições salariais aos trabalhadores. Se antecipe e saia na frente e assim não perderá tempo e nem vai cair nas ciladas de gestores maliciosos.”  

➡️ COMO CONSTRUIR UMA BOA CAMPANHA SALARIAL?

Confira os passos-chave para construir uma Campanha Salarial bem-sucedida:

PESQUISA E ANÁLISE: pesquise no Tribunal de Contas a realidade das finanças do município. No relatório disponibilizado pelo Tribunal, via site, consta quanto a Prefeitura gasta com folha de pagamento atualmente. É bom sempre ficar de olho e bem informado. A equipe da Agência de Comunicação Grita São Paulo, responsável pela assessoria da Fesspmesp, pode lhe ajudar a ter acesso a essas informações – 11 940.376.585.

DEFINA METAS CLARAS: estabeleça metas específicas e realistas para a Campanha Salarial, como reposição da inflação e aumento real, melhoria nos benefícios ou outras condições de trabalho.

CONSTRUA UMA EQUIPE: forme um grupo de trabalhadores interessados e engajados na Campanha Salarial. Uma equipe unida pode ter mais impacto e diversificar as habilidades necessárias.

COMUNIQUE-SE: desenvolva uma estratégia de comunicação eficaz para informar os colegas de trabalho sobre a Campanha e obter o apoio deles. Crie mensagens claras e objetivas que destaquem as razões pelas quais a Campanha é necessária e como ela beneficiará os funcionários.

CONSTRUA UMA PLATAFORMA: recolha as reivindicações, demandas e propostas que a categoria deseja apresentar à Administração durante a negociação.

NEGOCIAÇÃO: após encaminhar a pauta, solicite a formação de uma Comissão de Negociação por parte da Administração. Prepare a sua equipe, os seus diretores, se necessário, leve um representante da categoria (não diretor), faça-o com muita preparação. 

MOBILIZE E CONSCIENTIZE: desde o início da Campanha Salarial, prepare a categoria para a construção da proposta e ações que venham ser necessárias.

DOCUMENTE TUDO: organize toda a documentação da data-base, incluindo estatuto da entidade, ata de pose da diretoria, editais de convocações atas de assembleias, listas de presenças, pauta apresentada e aprovada, ofício encaminhado à Administração e solicitando formação e Comissão

AVALIE E ADAPTE: a Campanha Salarial precisa ser construída constantemente, desde seu início com a publicação da Campanha até o seu resultado final. Diante das dificuldades, busque alternativas e experiências para obter sucesso nas negociações.

MANTENHA A LEGALIDADE: com base no Estatuto da Entidade, certifique-se de que sua Campanha esteja em conformidade com as regras estatutárias. Observe a legislação municipal, estadual e federal que estabeleçam as regras diversas do Estatuto (ou seja, evite aquilo que não está estabelecido no Estatuto).

Lembre-se: as Campanhas Salariais bem-sucedidas sempre levam organização, tempo e esforço. A negociação coletiva exige preparação, estratégia e determinação para alcançar os melhores resultados.

AJA E ANTECIPE AS AÇÕES.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×